7 dez, 2018

TERMAS CENTRO DEBATEM IMPACTO DAS NOVAS TECNOLOGIAS PARA O FUTURO DO TERMALISMO

Noticia-Seminario-1040x513px_20Nov.jpg
Partilhar no Facebook

As Termas do Centro lançaram uma plataforma digital de comercialização e animação para auxiliar os utilizadores de forma fácil, intuitiva e autónoma no momento de escolha e decisão de aquisição de produtos turísticos que têm por base o termalismo.

Para além da plataforma, disponível em, www.termascentro.maisis.pt, as estâncias termais que compõem o consórcio Termas Centro dispõem também de uma app para Android e IOS, a qual permite uma interação dinâmica e lúdica entre os termalistas e as estâncias que estes visitam, ao mesmo tempo que acumulam “watercoins”, um sistema de pontos que podem ser trocados por descontos em produtos e serviços termais.

Lançados num seminário que reuniu os concessionários do PROVERE Termas Centro, no Hotel das Termas da Curia, no concelho de Anadia, tanto a plataforma como a app são duas novas ferramentas que estão agora ao dispor dos concessionários do programa promovido pela Delegação Centro da Asssociação das Termas de Portugal.

Na ocasião, Victor Leal, presidente da Associação das Termas de Portugal, ressaltou o papel das novas tecnologias para a captação de novos clientes e fidelização dos atuais. Numa sociedade cada vez mais orientada pela informação cabe ao setor saber acompanhar as novas tendências e adaptar-se às necessidades da procura.

O evento contou ainda com a participação do presidente do Turismo do Centro, Pedro Machado, do vice-presidente da Câmara Municipal da Anadia, Jorge Sampaio, e do representante da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro, Jorge Brandão.

O seminário Termas 4.0 foi organizado no âmbito do projeto Termas Centro e constituiu um fórum de debate e partilha de experiências sobre o papel das novas tecnologias no desenvolvimento do setor do termalismo.

Luís Veiga, administrador executivo do Grupo Natura IMB Hotels, que gere o H2otel Congress & Medical Spa, em Unhais da Serra, foi o moderador da primeira sessão da tarde onde se debateu o papel da Internet e das redes sociais para o desenvolvimento do Turismo de Saúde. Este painel contou ainda com as participações de Jaime Martins Alberto, o diretor da revista NiT, e da académica Joana Alegria Quintela, da Universidade Portucalense.

Durante a segunda sessão, moderada pelo coordenador do PROVERE Termas Centro, Adriano Barreto Ramos, foi apresentada a estratégia digital do consórcio Termas Centro, bem como as mias recentes ferramentas de comunicação que os concessionários têm agora à sua disposição.

O projeto Termas Centro tem como objetivo reforçar a competitividade turística das estâncias termais da região Centro do país, através de uma lógica de trabalho em rede, organizado e de qualidade e com produtos adaptados a diferentes targets e que abranjam as temáticas: saúde e bem-estar, natureza, património e gastronomia.

CONTACTOS

  • T: (+351) 232 094 109
  • M: Rua da Barroca, n.º 3, 1º andar, 3660-693 Várzea, S. Pedro do Sul
  • @:geral@termascentro.pt
Confinanciamento Termas Centro
Termas Centro